OBS Studio como uma webcam virtual

No ano de 2020 as video conferências explodiram pelo globo. Se tornaram uma necessidade para vários trabalhadores remotos.

Se você tiver a sorte de usar Linux (baseado em Debian), esse passo-a-passo vai te mostrar como usar o OBS Studio como uma fonte de vídeo em qualquer programa de conferência (Google Meet, Zoom, Discord, etc). Vamos lá:

Instalar OBS, libOBS, v4l loopback, qt-dev

sudo apt-get install obs-studio libobs-dev v4l2loopback-dkms qtbase5-dev

Configurar o módulo de kernel v4l2loopback

sudo touch /etc/modules-load.d/v4l2loopback.conf
sudo echo v4l2loopback > /etc/modules-load.d/v4l2loopback.conf
sudo echo 'options v4l2loopback card_label="OBS Video Source" video_nr=10 exclusive_caps=1' > /etc/modprobe.d/v4l2-obs-studio.conf
sudo depmod -a
sudo modprobe v4l2loopback

Parâmetros:

  • video_nr número do dispositivo que será criado /dev/video10
  • card_label nome da câmera virtual que vai aparecer no Meet/Zoom/Discord/etc
  • exclusive_caps pra funcionar com o Google Chrome 🤷

Instalar o plugin de OBS v4l2sink

git clone --recursive https://github.com/obsproject/obs-studio.git # OBS
git clone [email protected]:CatxFish/obs-v4l2sink.git # Plugin

cd obs-v4l2sink
mkdir build ; cd build
cmake -DLIBOBS_INCLUDE_DIR="../../obs-studio/libobs" -DCMAKE_INSTALL_PREFIX=/usr ..
make -j
sudo make install

O plugin vai ser instalado em /usr/lib/obs-plugins, mas vamos colocar na nossa pasta home:

mkdir -p ~/.config/obs-studio/plugins/v4l2sink/{data,bin/64bit}
ln -sf /usr/lib/obs-plugins/v4l2sink.so ~/.config/obs-studio/plugins/v4l2sink/bin/64bit/
ln -sf /usr/share/obs-plugins/v4l2sink/locale ~/.config/obs-studio/plugins/v4l2sink/data/

Caso tenha funcionado, vai no menu Tools. Vai ter a opção V4L2 Video Output. Defina o dispositivo (device) como /dev/video10, o formato para YUY2, clique em Auto-Start e em Start. Aí é só criar uma cena no seu OBS e abrir sua câmera em outro programa!

Boas conferências ;)

_

= M =

comments powered by Disqus